| Ambiente |

Caminhos de montanha: Uma montanha, muitos mundos


  Porto Cabrito, Sabugueiro (foto de Pedro Ribeiro)

2017-07-24

Partilhe    

Aqui, o relevo é vigoroso, as paisagens são inspiradoras e as aldeias preservam as suas tradições.
O Município de Seia e a ADIRAM (Associação de Desenvolvimento Integrado da Rede de Aldeias de Montanha), no âmbito do projeto Aldeias de Montanha, implementaram em Seia uma rede de percursos pedestres denominada Caminhos de Montanha. Esta rede constitui uma infraestrutura turística que, pela sua diversidade e interesse natural e cultural, representa uma experiência única para quem procura ambientes de montanha em Portugal.

 

Ribeira da Nave, Loriga (foto de José Conde)

Os Caminhos de Montanha abrangem um conjunto de 14 percursos pedestres de pequena rota (PR), que perfazem uma extensão de mais de 100 km, e ainda uma Grande Rota que resulta da agregação de quatro PR’s. Estes percursos têm uma extensão individual que não ultrapassa os 20 km, tendo início nas Aldeias de Montanha ou em núcleos de recreio de acesso fácil, e descrevem, sempre que possível, trajetos circulares. O grau de exigência é muito heterogéneo, de fácil a difícil, de modo a ir de encontro a todos os públicos, que assim os podem realizar em total autonomia.

Para mais informação sobre a rede de Caminhos de Montanha consulte os sites do Município de Seia e das Aldeias de Montanha ou descarregue a app (Aldeias de Montanha – Hike – Bike & Tourism). Para adquirir as brochuras em papel visite o Centro de Interpretação da Serra da Estrela (CISE), em Seia.

Em Seia há 15 Caminhos de Montanha.
E todos eles inesquecíveis.
Escolha o seu.

O BlueOak irá dar a conhecer estes caminhos nas próximas edições:

 

 

  #aldeias  #montanha  #seia  #serradaestrela  #trilhos

 

Comentários

Deixe um comentário